14 de abr de 2015

maintenant ou jamais


Eu sou uma pessoa intensa. Comigo é tudo ou nada. Me importo fácil mas me desapego fácil também. Gosto de poucos mas gosto muito. Quando feliz fico com um sorriso no rosto o dia inteiro. Quando triste não quero sair nem do quarto. Sou complicada, difícil de entender e decifrar. É difícil me aguentar, precisa de paciência e muita habilidade pra entender todo o meu jeito complexo de ser. E se você achar que não consegue lidar com esse meu jeito, pode ir embora, a porta tá aberta, só te peço uma coisa, não me faça gostar de você pra depois dizer adeus. Porque comigo é agora ou nunca. Ou vem quando eu estou afim ou me esquece quando precisar de mim. Pode até mesmo quebrar meu coração, mas uma vez só. Porque eu dou uma chance, não duas. Quem traí, machuca, magoa, uma vez, faz isso tudo três, quatro, cinco vezes, e desse tipo de pessoa eu tô é correndo. Quem entra na minha vida com a intenção de sair não volta pra ela de novo. Porque perdoar é uma coisa mas aceitar é outra. Posso perdoar, mas perdão não significa aceitar de volta. Aceitar é mais complicado que isso. Não quero aceitar de volta na minha vida as pessoas que me fazem mais chorar do que sorrir. Hoje em dia só estou aceitando o que me faz bem e quem me quer bem, porque uma hora ou outra a gente precisa abrir os olhos e ver que é necessário dizer adeus para algumas pessoas. Pode não ser fácil mas é pra melhor.

Comente com o Facebook:

10 comentários:

  1. Sim, exatamente isso! Há uma semana tomei uma das decisões mais difíceis para mim: deixar de frequentar algo que amava por ter sido tão ferida lá. E tô me sentindo tão livre, tão feliz em relação a isso! Tem uma hora que precisamos cortar aquilo que machuca, arrancar pela raiz, nos libertar de verdade. Como você disse, quem machuca uma vez, machuca mais. E quem tem uma atitude que contraria tudo o que dizia ser uma vez, com certeza faz isso de novo. Um beijo, querida! <3 48janeiros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Algumas decisões são difíceis mas são para melhor, não é mesmo? Se cuida, abraços.

      Excluir
  2. Concordo completamente. Eu sou um pouco mais bobo e idiota que você, ainda consigo aceitar as pessoas e as vezes me quebro duas vezes por isso. Mas no resto somos iguais. É agora ou nunca!
    ADOREI.

    http://www.acessopermitido.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Perdoar é uma qualidade muito boa Elcimar, e coisa de se orgulhar. Mas as vezes para não nos magoarmos outra vez devemos perdoar e deixar pra lá. Se afastar pra não se envolver mais, não sofrer de novo e depois ficar com raiva das pessoas. O melhor a se fazer é simplesmente deixar pra lá! Um abraço!

      Excluir
  3. Super concordo com ti *-* . Adorei o texto, e sou bem assim mesmo >< Acho que ja fui mas ainda bem que passei por uma metamorfose
    blogimaginantes.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahhh "metamorfose", adoro essa palavra, estou em constante metamorfose também, na verdade todos estamos, porque a gente muda o tempo todo, quem você era ontem já é diferente de que é hoje :*

      Excluir
  4. Que belas palavras <3 Apaixonado, tanto pelas palavras quanto pelo cantinho! Voltarei sempre.

    ResponderExcluir
  5. Amei o texto! me descreveu totalmente...

    Beeijos, te espero lá no meu blog ♥

    http://www.paaradateen.com
    http://www.facebook.com/PAARADATEEN

    Já conhece meu canal no youtube? Lá tem vídeos novos toda semana! ♡
    www.youtube.com/paaradateen

    ResponderExcluir

Deixe uma opinião sobre o que achou da postagem. Volte sempre.


Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©